O Ovni lisboeta: conheça o Panorâmico do Monsanto em Lisboa!

Já pensou em ver Lisboa do alto?!Claro, sim ou com certeza?! Descubra aqui um dos miradouros contemporâneos (ou quase isso) de Lisboa que você precisa visitar: o Panorâmico do Monsanto.

A definição de “blogueiro de viagem” deveria ser atualizada pelo Google como: Especialista em dicas e descobertas desejadas involuntariamente pelo leitor.

Isso porque gostamos de partilhar tudo que descobrimos relacionado ao turismo e a tudo que experimentamos e achamos interessante explorar esse cantinho de Lisboa. Nossa dica hoje é um Miradouro ou Mirante! Você que sabe. 😀

Os Miradouros por si só, na grande maioria deles, já tiram o fôlego com a vista que proporcionam da cidade, agora, imagina um miradouro com mais atrativos do que apenas a vista?! Se ainda não sabia da dica, acrescente na lista do que fazer em Lisboa, uma visita ao Miradouro Panorâmico de Monsanto, um ponto turístico rodeado de natureza e carregado de história. Garanto que você vai voltar com as energias recarregadas e uma quantidade enorme de fotos bem coloridas na galeria do seu telefone.

Miradouro Panorâmico do Monsanto em Lisboa -bvml
Miradouro Panorâmico do Monsanto em Lisboa -bvml

Panorâmico de Monsanto: A história

Você gosta de história? Se sim, o panorâmico de Monsanto é perfeito para uma boa pesquisa. Antes de ser considerado um Miradouro, e tantas outras definições nomeadas por outrem, o Panorâmico de Monsanto foi um restaurante. ( Até quando a gente não quer falar de comida, a gente fala de comida!)

O projeto inicial do restaurante foi iniciado em 1938 pelo arquiteto Keil do Amaral ( neto do compositor e criador do hino nacional português Alfredo Keil) e finalizado por Camarário Chaves da Costa.

Um restaurante de luxo desenvolvido dentro do parque Florestal do Monsanto e inaugurado em 1968. 

Imagem capturada pelo CML, do restaurante Panorâmico de Monsanto- BVML

O restaurante não foi um projeto de muito sucesso. Apesar de ter sido planejado e construído com os melhores recursos (lê-se muito dinheiro envolvido) e ter tido um alto investimento, os resultados foram quase nulos. Funcionando no máximo dois anos em tempo integral.

A melhor parte dessa história é o nome que o panorâmico ganhou: “Ovni de Lisboa” ou comparado por outros como uma “Joia ou Monstro”. Se você pesquisar na net, vai ver reportagens dos jornais portugueses a criticarem de forma sarcástica o ovni que nunca decolou. Aterrou e por aqui ficou! Rá, rá, rá. Péssimo.

Ouso acreditar que tais comparações se devem à diversidade de finalidades atribuídas ao local desde o fim do restaurante. O local já foi sede de clubes noturnos, bingo, escritórios de empresas de filmagens e armazém de materiais de construção civil. Não preciso falar que não deu certo, não é?!

As “autoridades” (definição complexa), acreditam que o falhanço do panorâmico de Monsanto é culpa do edifício ser isolado, grande e de difícil manutenção financeiramente falando (adoro essa perspetiva pós leite derramado.) e acaba não sendo um negócio atrativo para os empreendedores. Trocando em miúdos, no bom linguajar brasileiro o famoso “elefante branco”.

Montagem do panorãmico de monsanto similar a ovni - bvml

A pergunta que não quer calar, será que O panorâmico de Monsanto falhou mesmo?! Como turista, a resposta é: Não.   

?c=33256&m=1796072&a=313537&r=&t=html

Miradouro Panorâmico do Monsanto

O Panorâmico do Monsanto foi aberto ao público e nomeado como miradouro sob direção da Câmara Municipal de Lisboa em 2017. É recente!

É um edifício de sete mil metros quadrados com uma visão em 360° graus da cidade de Lisboa que pode ser contemplada de 09hrs às 20hrs durante o horário de verão.

Sem definições engessadas, descreveria o Panorâmico do Monsanto como um Miradouro cheio de personalidade graças ao público visita e vai personalizando. Aliás, já foram mais “agressivos” na decoração, agora, é tudo mais controlado.

Miradouro Panorâmico de monsanto - BVML
Vitral no Panorâmico do Monsanto - BVML
WhatsApp Image 2021 06 05 at 21.20.03 1
O que vai fazer na Área Metropolitana de Lisboa?

Por que ir? 

Porque do Panorâmico você tem uma das vistas mais lindas de Lisboa 360º. Sem exagero! 

  • Tem estacionamento gratuito até as 20h no verão e até às 18h no Inverno ( por causa do pôr do Sol, acredito eu);
  • Dá para sentar e comer, observando cada prédio e construção de Lisboa ( Sim, eu só penso em comer);
  • Dá para tirar umas fotos maravilhosas e muito Cooool! 
  • Cada cantinho é uma oportunidade de tirar uma foto e ver muita arte urbana, vitrais, frases e manifestações culturais. 

Logo na entrada, você já vai ver as recomendações de saúde relacionadas ao COVID-19. Essa vai ser a nossa vida durante um bom tempo, não é?! 

Você precisa fazer o percurso de máscara, pelo menos quando perceber que as pessoas estão muito próximas, ok? 

Miradouro Panorâmico do Monsanto em Lisboa -  Blog Bons Ventos me Levam

Há sinais do percurso pelo caminho. O que reparei, é que diminuíram os espaços de visita, há zonas fechadas mas não invalidou a experiência. O mais bonito está lá, a vista para Lisboa

Aproveitei para encontrar os pontos turísticos à vista: 

  • Ambas as pontes que atravessam o Rio Tejo: Vasco da Gama e 25 de Abril; 
  • O famoso Cristo Rei na Almada; 
  • Uma larga extensão do Rio Tejo; 
  • Os prédios das Amoreiras, onde também há um panorâmico
  • O Aqueduto das águas Livres; 
  • A Basílica da Estrela 
  • O estádio do Benfica e uma quininha do do Estádio do Sporting 

E o que mais os teus olhos reconhecerem! 

Se você é turista e não conhece muito sobre a capital portuguesa, reserve aqui um free tour por Lisboa.

Na parte mais alta, que infelizmente está fechada, você vê Lisboa literalmente inteira 360º e um mural feito em azulejos desenhados ilustrando o terremoto de 1755 que devastou Lisboa complementamente. 

Esperamos que abra tudo tudoooo logo. 

recomendações para visita no panorâmico do monsanto - BVML

Como chegar ao Panorâmico de Monsanto

Todo o complexo de Monsanto, por assim dizer, é enorme e tem várias entradas e pontos diferentes e importantes. Aos poucos, vou conhecendo alguns!

Sem dúvidas, a melhor forma de chegar é de carro, até porque tem estacionamento gratuito. Mas há outras alternativas. 

Se transporte público for sua escolha, confira aqui o Lisboa card. O cartão possui acesso ilimitado ao transporte público.

  • De ônibus ou Autocarro: O mais fácil! 

A linha 711 Terreiro do Paço – Alto Damaia para relativamente perto, tendo em conta o sobe e desce da serra. Para os turistas, esse percurso é super acessível. Você pega na praça do comércio e descansa as vistas! Quando começar a ver árvores e mais árvores e sair da estrada principal, faça conta de descer na parada na Av. Ten. Martins, próximo ao Comando da Força Aérea. Caminhe mais uns  15 ou 20 minutos, no seu ritmo pela estrada da Bela Vista e você vai encontrar a entrada do panorâmico. Não tem erro! 

?c=27395&m=1245698&a=313537&r=&t=html
  • Outras alternativas que vão te fazer andar só mais um pouquinho

Dependendo de onde você estiver ao redor de Lisboa, também pode consultar as seguintes linhas de transporte público: 

  • 724 –  Alcântara – Pontinha
  • 729 – Bairro Padre Cruz – Algés
  • 723  – Desterro – Algés ( Consultar horários. Não é uma linha regular)

As estações de Comboio ( trem) mais próximas são: Campolide e Benfica e o metro: Sete Rios – Jardim Zoológico.  De Uber ou Táxi, é outro pulinho. Só escolher! 😀 

Fica aqui minha recomendação! 

*Ao reservar com um parceiro através dos nossos links recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog a se manter sempre atualizado com novas dicas de viagem. Obrigada! =)

E não se esqueça do Seguro viagem!!

Tour gratuito, visitas, ingressos e passeios? Temos!

Vai de ônibus? Experimente a Flixbus.

Mais algumas dicas